quinta-feira, 15 de abril de 2010

Gol fica perto da TAM em março no mercado doméstico, diz Anac

 
15/4/2010
Folha de S.Paulo

A TAM e a Gol/Varig dividiram a liderança do mercado doméstico de aviação em março, com menos de meio ponto percentual de diferença na participação, segundo dados divulgados ontem pela Anac (Agência Nacional de Aviação Civil).
   
Com crescimento de demanda de 38,5% na comparação com o mesmo mês no ano passado, a Gol/Varig atingiu a participação de 41,44% do mercado nacional, ante 41,75% da TAM, que cresceu 11,8% em igual período. Apesar do crescimento em relação a março de 2009, ambas empresas perderam participação de mercado no mês passado: em fevereiro, a participação da TAM era de 42,42%, e a da Gol, 41,61%.
   
Nas rotas internacionais oferecidas pelas companhias brasileiras, no entanto, a TAM domina 85% do mercado, ante 14,6% da Gol/Varig.
Considerando todas as companhias, houve aumento de 32% no mercado doméstico em março na comparação com o mesmo mês do ano passado e de 10,8% no internacional, no mesmo período.
   
Com isso, o primeiro trimestre acumula alta de 35% no tráfego em voos no Brasil ante igual intervalo em 2009. Com relação aos voos internacionais operados pelas companhias brasileiras, a alta foi de 12,8%.
   
Terceira maior companhia do setor, a Webjet atingiu 6% de participação no mercado doméstico. A Azul ficou com 5,4%; a OceanAir, com 2,4%; e a Trip, com 2,1%.
   
De acordo com os dados de março, a ocupação continua elevada nos voos domésticos (65%) e maior ainda nos voos para o exterior operados pelas empresas brasileiras (69%). No acumulado do primeiro trimestre deste ano, a ocupação doméstica está em 71,6% e a internacional atinge 76%.


Lucro

   
A TAM fechou 2009 como a aérea mais lucrativa da América Latina e dos Estados Unidos, de acordo com levantamento da consultoria Economática. A Gol ficou em segundo lugar.
   
O estudo considerou 11 empresas de capital aberto do setor de transporte aéreo regular. A TAM fechou 2009 com lucro de US$ 771 milhões, seguida pela Gol, com US$ 493 milhões.
A LAN Chile ficou em terceiro, com US$ 231,4 milhões.

Nenhum comentário:

Postar um comentário