quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Publicado decreto de desapropriação de terreno para aeroporto em Piraí e Volta Redonda

08/12/2010 - O Globo 

RIO - Um decreto publicado no Diário Oficial desta quarta-feira pelo governador Sérgio Cabral abre espaço para o estado ganhar um novo aeroporto, localizado nos municípios de Volta Redonda e Piraí. Para a realização do projeto, está sendo desapropriada uma área de cerca de 1,9 milhão de metros quadrados nas duas cidades. De acordo com o subsecretário estadual de Transportes Sebastião Rodrigues, ainda este mês deve começar a limpeza do terreno para o início da construção. Já estão sendo feitos estudos topográficos e sondagens.

O Aeroporto do Vale do Aço, como será chamado, é uma parceria. que surgiu em 2008, entre estado, União e as prefeituras de Volta Redonda e Piraí. O custo previsto para as obras é de R$ 56,3 milhões, sendo que R$ 12,3 milhões da primeira fase dos trabalhos já estão garantidos através do Programa Federal de Auxílio a Aeroportos (Profaa).

A pista terá 2,2 mil metros de comprimento por 30 de largura. De acordo com a Secretaria de Transportes, o aeroporto terá capacidade de receber voos de aeronaves de grande porte, com capacidade para cerca de 150 passageiros, como um Boeing 737/300. A pista de Cabo Frio, por exemplo, possui 2.560 metros por 45 de largura. Já a maior pista do Santos Dumont têm 1.323 metros de comprimento por 42 de largura.

O decreto publicado nesta quarta-feira adequa o projeto a uma exigência do Instituto Estadual do Ambiente (Inea) de aumento de área para que 314 mil metros quadrados fossem voltados para uma reserva biológica no município de Piraí.

Dos 1,9 milhão de metros quadrados, a maior parte (1,2 milhão) ficará na cidade de Piraí. A pista de pouso vai passar exatamente entre a divisa dos dois municípios. O decreto publicado nesta quarta-feira autoriza a Procuradoria Geral do Estado a realizar com urgência a desapropriação dos terrenos envolvidos. De acordo com a prefeitura de Volta Redonda, a partir da desapropriação concluída, as obras devem levar cerca de dez meses.

- Essa era uma reivindicação antiga nossa. Volta Redonda é um polo que atrai muitos empresários e não possui um aeroporto próximo. Esperamos que o projeto traga ainda mais progresso para a região - afirmou o prefeito de Volta Redonda, Antônio Francisco Neto, que completou: - O terminal estará localizado a cerca de três quilômetros da Via Dutra e bem próximo de um grande hospital.

A expectativa é que o Aeroporto do Vale do Aço seja referência na região e atenda a demanda de outros municípios próximos, além de Piraí e Volta Redonda, como Barra Mansa e Porto Real.

Atualmente, o maior aeroporto do Rio fora da capital é o de Cabo Frio, na Região dos Lagos. Inaugurado em dezembro de 1998, ele possui capacidade para 24 mil passageiros e é o único aeroporto público com gestão privada no Brasil, habilitado para cargas e passageiros internacionais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário