sábado, 21 de janeiro de 2012

Voando em céu de brigadeiro

20/01/2012 - O Globo, Glauce Cavalcanti

O Brasil pode subir de quarto para quinto maior mercado de helicópteros do mundo em 2012, atrás apenas de Canadá, Rússia e Estados Unidos. Em 2011, o número de aeronaves matriculadas no país cresceu 20%, chegando a 1.720 unidades, diz a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). De acordo com dados compilados pela francesa Turbomeca, uma das maiores fabricantes de turbinas para helicópteros do mundo, o Brasil tem chance de ultrapassar o Reino Unido, hoje dono da 4amaior frota (veja o quadro). O volume de aeronaves por lá cresceu 5%, para 1.780. Paulo Sardinha, diretor de Recursos Humanos da empresa no Brasil, lembra que em 2011 o país superou França e Itália, afetadas pela crise financeira. “O Brasil tem chances de bater o Reino Unido em 2012. É que o mercado aqui está crescendo mais rápido, puxado pela atividade no setor de petróleo”, avalia ele.

Mercado de helicópteros do Brasil cresceu 20% e já é o 5o- no mundo

A Anac ressalta que hoje 85% das aeronaves em operação no Brasil são importadas. Só 15% são montadas no país, pela Helibrás.

Para 2012, a Turbomeca do Brasil prevê elevar negócios em 15%. A empresa está investindo R$ 12 milhões na ampliação de sua base em Xerém, Baixada Fluminense, para iniciar em março a montagem de turbinas. “Hoje, fazemos revisão e manutenção de aeronaves. Com a montagem de turbinas, haverá transferência de tecnologia”, adianta Sardinha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário