domingo, 1 de julho de 2012

Demanda no setor aéreo cresce 5,7% puxada por Trip e Avianca

25/06/2012 - Folha de São Paulo

JULIA BORBA

A procura por voos nacionais aumentou 5,7% em maio deste ano frente ao mesmo mês de 2011. A oferta de assentos para os passageiros também cresceu no mês e ficou 5% acima do registrado no ano passado.

O resultado é recorde tanto na demanda quanto na oferta para o mês, desde o início da série histórica, iniciada em 2000.

De acordo com levantamento da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil), divulgado nesta segunda-feira, a demanda doméstica no transporte aéreo, acumulada nos cinco primeiros meses do ano, apresentou crescimento de 6,5% na comparação com igual período do ano passado.

A oferta de assentos em voos realizados dentro do país também acompanhou a procura dos passageiros e cresceu 9,3% de janeiro a maio --em relação aos cinco primeiros meses do ano passado.

A taxa de ocupação dos voos domésticos foi de 67,6% em maio de 2012, contra 67,1% em maio de 2011.

COMPANHIAS

As companhias Avianca e Trip foram as que mais cresceram em participação no mercado, com índices de 83% e 66%, respectivamente.

As campeãs de liderança no mercado, entretanto, ainda são TAM e GOL. A fatia do mercado que cada uma domina representa, respectivamente, 38,7% e 33,8% do total.

INTERNACIONAL

A demanda e a oferta do transporte aéreo internacional de passageiros caiu 2,7% no mês analisado.

Em cinco meses, a procura pelas rotas internacionais teve crescimento pouco expressivo, de 0,8%. A oferta, por sua vez, caiu 2,4%, também entre maio de 2012 e maio de 2011.

Mesmo diante dos resultados, a ocupação dos voos internacionais alcançou 79,8% em maio de 2012, contra 79,2% do mesmo mês de 2011, representando uma variação positiva de 0,7%. Este é o melhor aproveitamento para o mês de maio desde o início da série, em 2000.

Nenhum comentário:

Postar um comentário