segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

Redução de voos em aeroporto na Zona da Mata começa nesta segunda

21/12/2014 - G1

Um dos horários foi suspenso até fevereiro, diz Azul em nota.

Local deve receber mais voos de outra companhia em 2015.

Do G1 Zona da Mata

Azul suspende um voo no verão entre JF e

Campinas(Foto: Reprodução/TV Integração)


A partir desta segunda-feira (22), estará suspenso um dos horários de voo partindo do Aeroporto Presidente Itamar Franco, localizado entre Goianá e Rio Novo, na Zona da Mata, com destino a Campinas (SP). A informação é da empresa Azul Linhas Aéreas.

Conforme anunciado em setembro, a companhia reforçou que o motivo é o atendimento à demanda de verão. "Por conta de ajustes temporários em sua malha aérea, em virtude da variação da demanda durante o verão, irá suspender a operação de um voo que liga Juiz de Fora (Zona da Mata) a Campinas entre 22 de dezembro e 1º de fevereiro", diz o texto. Os demais horários de partidas e chegadas (confira quadro abaixo) estão mantidos pela empresa.

No entanto, o Aeroporto Regional, que já teve a empresa responsável pela gestão homologada, deve receber novas linhas em 2015. Após assinatura de protocolo de intenções entre a Gol Linhas Aéreas e o Governo de Minas em novembro, o aeroporto terá voos para Congonhas, Buenos Aires, Lisboa e Punta Cana.

A Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas (Setop) destacou que o aeroporto conta com a segunda maior pista para pouso de Minas Gerais com 2.530 metros, menor apenas que o Aeroporto internacional Tancredo Neves, em Confins. O terminal também é alfandegado e pode executar todo o desembaraço de mercadorias que chegam do exterior.

Opções de voos na Zona da Mata

Sobre o quadro de voos atual, a Azul reforçou, em nota, que estão mantidos durante o verão dois voos diários – com exceção dos sábados, em que há apenas um horário – e diretos para Campinas, de onde é possível realizar conexões para todas as regiões do país. "Essa ação é temporária, até 1º de fevereiro. A companhia não abre a ocupação de seus voos por uma questão estratégica, mas, de maneira geral, a ocupação de todos os voos da Azul fica em torno de 80%", diz a nota enviada ao G1.

Em julho, a companhia anunciou para setembro o fim dos voos com destino ao Aeroporto Internacional de Confins, em Belo Horizonte (MG), com partidas do Aeroporto Presidente Itamar Franco. Segundo a assessoria, o motivo da suspensão foi o baixo movimento de clientes apresentado nessa rota, tornando a sustentação do voo economicamente inviável.


Durante o verão, Aeroporto Regional Presidente Itamar Franco terá dois voos diários para Campinas (SP) (Foto: Reprodução/TV Integração)


Em abril a empresa deixou de operar no Aeroporto Francisco Álvares de Assis (Aeroporto da Serrinha), em Juiz de Fora, transferindo todos os voos para o Aeroporto Presidente Itamar Franco. Quatro funcionários que atuavam no Serrinha foram demitidos após o fim da operação da Azul no terminal, em abril.

Na época, a Azul informou que faz constantes revisões nos procedimentos operacionais e que a decisão foi tomada após análises criteriosas. De acordo com a Azul, o Aeroporto Itamar Franco tem melhores condições de infraestrutura aeroportuária, contribuindo para tornar as operações mais seguras. O Aeroporto Presidente Itamar Franco voltou a operar voos comerciais em 20 de março, quando passou a ser oferecida a rota para Confins. A Azul já havia encerrado as atividades no Aeroporto Regional em junho de 2013.

Confira os voos que continuam sendo operados, segundo a companhia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário