sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Aeroportos recebem mais passageiros no carnaval que na Copa

19/02/2015 - O Estado de S.Paulo

Média diária de circulação pelos terminais brasileiros foi, em relação ao Mundial, 23% maior durante festividades do carnaval deste ano

MÔNICA REOLOM – O ESTADO DE S. PAULO

SÃO PAULO – A média diária de passageiros que passaram pelos aeroportos brasileiros no carnaval de 2015 superou a Copa do Mundo, no ano passado. A Secretaria de Aviação Civil (SAC) informou que, entre sexta-feira, 13, e quarta-feira, 18, 627 mil pessoas circularam por dia nos 15 principais aeroportos do País. Durante a Copa, a média foi de 508 mil por dia.


Intenso movimento de passageiros no Aeroporto Internacional do Antônio Carlos Jobim (Galeão), na Ilha do Governador, zona norte do Rio.

Com o intuito de evitar atrasos e confusões, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) intensificou a atuação nos principais aeroportos desde a terça-feira, 11, e até esta sexta-feira, 20. Na denominada "Operação Carnaval", cento e vinte funcionários da agência, entre inspetores de aviação civil e técnicos, reforçaram a fiscalização e o atendimento a passageiros em sete aeroportos.

Os atrasos e cancelamentos de voos ficaram dentro do esperado. Dos 1261 voos programados, apenas 27 saíram fora do horário nos sete aeródromos mais movimentados do Brasil.

A sexta-feira, 13, foi o dia mais concorrido, com 711 mil viajantes circulando pelos saguões dos terminais aéreos de Viracopos, Brasília, Galeão, Guarulhos, Confins, Natal, Congonhas, Fortaleza, Porto Alegre, Santos Dumont, Recife, Curitiba, Manaus, Salvador e Cuiabá. Na Copa, o dia de maior movimentação foi 14 de julho, quando 560 mil pessoas passaram pelos 21 aeroportos que atenderam a competição, para voltar para casa após a final.

Entre os dias 12 e 23 de fevereiro, a SAC estima que 5,3 milhões passarão pelos sete aeroportos da "Operação Carnaval". Até esta quarta-feira, a estimativa é que 4,3 milhões de passageiros já tenham passado por esses terminais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário